CLIENTES E PROJETOS

Projeto Guaíba 2 - CMPC

10.000 crachás emitidos
30.000 almoços servidos
1.200 veículos credenciados

O projeto de expansão Guaíba compreende uma nova planta branqueada de eucalipto linha de celulose (BEK) na fábrica CMPC Celulose Riograndense, no Rio Grande do Sul, com 1,3 milhões de toneladas / ano de capacidade. A operação está programada para ter início no primeiro trimestre de 2015. Atualmente, a fábrica de Guaíba tem capacidade de produção de 450 mil toneladas / ano de celulose (linha BEK). "Após essa expansão, vamos ser a segunda maior produtora de celulose de mercado do mundo", diz o CEO da empresa Luis Llanos.

Conforme afirmou a CMPC em nota, o projeto de expansão da CMPC Guaíba 2 também inclui a instalação de dois turbos geradores, cada um com uma capacidade de cerca de 88 MW. O investimento total em Guaíba é estimado em US $ 2,1 bilhões, que serão obtidos através de aumento de capital, empréstimo bancário do BNDES, a emissão de dívida local ou internacional e venda de ativos não essenciais, entre outros. (Fonte: Celulose Online)

A Meta Central de Serviços entra no projeto com equipe especializada no controle de dados de acesso e credenciamento de pessoas. A mão-de-obra diretiva foi reaproveitada do projeto Eldorado que foi recém concluído no Mato Grosso do Sul. Os procedimentos de controle de infraestrutura já foram desenvolvidos e aprovados pela gestão da CMPC. O credenciamento e treinamento de toda mão de obra será realizado em um escritório especialmente estruturado para tal e está localizado na cidade de Guaíba, fora do site de obras.


DADOS GERAIS DO PROJETO

  • Local: Guaíba, RS
  • Período: junho de 2013 a junho de 2016
  • Pico da Obra: 8.500
  • Atividades da Meta Central de Serviços: Credenciamento e Controle de Acesso de Empresas, Pessoas e Veículos, Gestão de Transportes, Gestão do Centro Social, Refeitório, Desmobilizações e Obrigações Acessórias.
  • Efetivo Meta: 60 administrativos


Acesse também as notícias:

Take 1