NOTÍCIA

Colaboradores da Meta mostram como a atividade física mudou suas vidas

Time da Meta (na CMPC) organiza campeonatos

Todo mundo quer estar em dia com a saúde, ter um corpo saudável e a mente ativa. Todo mundo também sabe que a prática regular de exercícios físicos é o caminho para se conquistar tudo isso. Para quem é sedentário, porém, o difícil é descobrir que atividade lhe dá prazer e ter disposição para começar.

No caso do Thiago da Silva Araújo, coordenador da Meta no Projeto S11D (Vale/ PA), a vontade de praticar uma atividade física aumentou quando ele conseguiu conciliar o horário de trabalho com os treinos de musculação, que pratica há mais de um ano. Além de pensar na saúde, Thiago também desejava melhorar seu porte físico e, junto com tudo isso, outros benefícios apareceram. “Juntamente com o início das atividades, decidi parar de fumar, o que elevou meu ânimo, humor e disposição”, afirma. Thiago conta ainda que melhorou seus hábitos alimentares, o que foi fundamental para que ele trocasse a gordura corporal por massa muscular.

Há quem prefira esportes mais radicais, como o gerente de operações, Márcio Goicocheia, que há dois anos pedala sobre terra (mountain bike) e asfalto (passeio urbano). Durante a semana, a prática é feita depois do trabalho, à noite. São três saídas semanais e um percurso de 40 quilômetros cada em média. No final de semana, ele pedala pela manhã e segue um trajeto mais pesado. “Saio sempre de madrugada para ver o amanhecer e não pegar sol quente na volta”, explica. Segundo Márcio, a prática começou com uma brincadeira entre amigos. “Faço aventuras com os amigos na natureza e, a cada dia, me desafio mais. É emocionante quando vencemos os nossos limites”, conta Márcio que viu sua saúde melhorar. Mais experiente, ele agora pretende levar sua bike para viver emoções mais distantes. “Já planejo pedalar nos pampas uruguaios ou fazer o Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha”.

Time bom de bola

A turma da Meta que atua na CMPC Celulose Riograndense, em Guaíba (RS), também tem um bom exemplo para mostrar. Cerca de 10 colaboradores se juntaram para jogar futebol society uma vez por semana. Além de jogar entre si, eles costumam organizar campeonatos com outras empresas que também atuam no Projeto Guaíba 2. Segundo Marlon Tadeu Caetano de Moraes, colaborador da Meta que participa do time, nem sempre é fácil ganhar das demais equipes. Além dos já conhecidos benefícios para a saúde, a prática também estreitou os laços de amizades entre os membros da turma.

Imprimir
COMENTÁRIOS
OUTRAS NOTÍCIAS
Equipe da Meta realiza auditorias trabalhistas para o cumprimento da legislação nas obras da CSP

Em 23 de setembro de 2014 às 10h58

Programa Destaque de Segurança CSA vai premiar áreas mais seguras da empresa

Em 12 de setembro de 2013 às 11h20

Take 1